Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Entre Fraldas e Livros

Mãe de dois, licenciada em alguma coisa (pouco) relevante que sentiu a necessidade de expressar preocupações que lhe importam e as aventuras que acontecem por aqui.

Entre Fraldas e Livros

Mãe de dois, licenciada em alguma coisa (pouco) relevante que sentiu a necessidade de expressar preocupações que lhe importam e as aventuras que acontecem por aqui.

Andam na minha cabeça e dou por mim a pensar dado que sou questionada quase todos os dias por terceiros sobre estes assuntos, decidi pedir ajuda.

- Quando acham que se tira a criança do berço e se passa para uma cama "normal" só com aqueles apoios laterais sem medo de correr o risco de acordarem com ela ao lado? - esta é uma questão que me deixa quase apavorada. A M. sabe subir e descer da cama "como o pai n'xinou" mas acho que se a puser na cama "grande" a qualquer momento ela vai-se pirar de lá e a meio da noite vai aparecer ao meu lado e dizer -Olá mãe!

- Quando é que consideram, se é que consideram, que é uma boa altura para ter um segundo filho? Tenho ouvido esta questão várias vezes ao longo do tempo. "Quando é que dás um(a) irmã(o) à M.? Já está na altura, depois a diferença de idades é grande. Ora, eu tenho 3 irmãos. O meu irmão tem 2 anos a mais que eu, eu tenho mais 8 que a minha irmã e mais 12 que a outra.

Para além de que, alguém (suspeito quem sei quem foi) ensinou à M. a dizer "qué um imão"! - então ela volta e meia lembra-se e anda atrás de mim a dizer isto...

Diferença de idades são conceitos relativos. Gostavamos de ter mais um filho mas não se seria já e tirar a "exclusividade" à M.

- A M., tendo 2 anos e 2 meses já consegue ter algumas conversas fluídas. Há quem fique a olhar para mim e a achar que eu sou doida mas ela tem muitos tios (5) que puxam por ela e avós. A cabeça daquela criança não pára um segundo que seja. Só a dormir e nesse campo ela dorme mais de 12 horas seguidas. É só ela? Deita-se às 21h/21.30 e acorda algures entre as 10h e as 11h.

- Não soube o que eram cólicas, dores de barriga, febres muito altas... Nada. Soube o que eram muitas outras coisas mas isso não.

(se calhar falo de boca cheia mas... ) E por isso tenho medo de arriscar noutro filho e que me saia o contrário da M.

Ela é uma companhia melhor que muitos adultos. Pena que ainda não consiga aguentar quieta mais do que 10 minutos.

 

Estas questões são só minhas?

 

2 comentários

Comentar post