Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Entre Fraldas e Livros

Uma mãe recente, licenciada em alguma coisa (pouco) relevante que sentiu a necessidade de expressar preocupações que lhe importam e as aventuras que acontecem por aqui.

Entre Fraldas e Livros

Uma mãe recente, licenciada em alguma coisa (pouco) relevante que sentiu a necessidade de expressar preocupações que lhe importam e as aventuras que acontecem por aqui.

20
Jan15

Boas notícias! Labirinto Lisboa vai voltar!

entrefraldaselivros

Depois de um incêndio que devastou aquela que tinha o potencial d'A Nova Casa Terror (ver aqui), e que teve uma curta (abriu a 10/05/14 e fechou a 21/05/14) mas parece aterradora vida, Ele está de volta. E Ele quem? O Labiritnto Lisboa

Já há tempos falei dele aqui  mas não cheguei a conseguir lá ir com muita pena minha porque quando comecei a juntar o grupo para a excursão assombrada, o labirinto fechou.

Desta vez, nem que acampe lá à porta, eu vou. E sei de 3 pessoas que (eu espero) que vão comigo e não se acagassem à última da hora...

Alguém por aqui conseguiu ir antes? Têm feedbacks por aí?

13
Jan15

A idade tem destas coisas

entrefraldaselivros

Nem força tenho nos dedos para escrever.

Quando saio de casa e o termómetro do carro diz 1º ou 2º o meu cérebro congela e não consigo ter ideias para depositar aqui no blog, daí isto andar paradito. 

No entanto, escrevo hoje com um texto retirado do site http://mariacapaz.pt/ onde a Joana, professora de filosofia para o 1º ciclo, fala de como aborda as aulas contorna a filosofia às crianças.

Se eu fosse professora, e cheguei a pensar várias vezes em dar aulas ao secundário, acho que a minha postura seria semelhante à dela.

Diz ela que: 

“Está bem, professora. Mas tu não tens mesmo sapatos de salto alto?!”

Sou professora de filosofia, no 1º ciclo. Sim, leram bem: filosofia para crianças, em escolas públicas. Um dia destes posso contar-vos do maravilhoso que é estar com crianças a reflectir sobre coisas como “o que é uma pessoa?”, “se as bonecas podem ter os mesmo direitos que os humanos” e “por que é que existe o amor?” com mini pessoas humanas entre os 5 e os 10 anos.  E do perigoso que é, tornar as crianças conscientes do seu pensar e sentir desde muito cedo. Mas esse não é o tópico que me traz aqui hoje.

Venho falar-vos da forma como foi recebida na escola, pelos meus alunos. Quando entro no portão da escola costumo demorar em média uns 15 minutos até chegar à entrada do edifício: pelo caminho recebo abraços, beijinhos, sorrisos e também um ar de “oh não vamos ter filosofia hoje!”. E perguntas, costumo ser bombardeada com perguntas – pouco filosóficas, diria, mas que interessam à pequenada.

O Bruno, do alto dos seus 8 anos, encontrou-me um dia e perguntou: “professora, tu não usas sapatos de salto alto?” Ao que respondi, não, habitualmente não. Ele insistiu: “Está bem professora. Mas tu não tens mesmo sapatos de salto alto?” Soltei uma gargalhada. Comecei a rever mentalmente o conteúdo da minha sapateira e lembrei-me de uns sapatos de cunha. Olha, Bruno, até tenho. Mas normalmente, como vês, ando muito de ténis e de botas. É mais confortável para mim.

Ele sorriu e foi brincar. Uns dias depois, encontrou-me no corredor. “Olá Professora. Tu não tens malas?” Bruno, tenho sim. Às vezes até trago uma. “Sim, mas andas de mochila, como nós.”

Já não basta ser a professora de uma disciplina onde as respostas não são imediatamente corrigidas com certo e errado – são sim debatidas em grupo – ainda por cima uso ténis e vou de mochila para a escola.

Recordo-me das minhas professoras da escola primária (ainda sou desse tempo) e, agora que penso nisso, acho que nunca as vi de ténis ou de mochila. Talvez não fizesse sentido para elas: os tempos eram outros e a imagem da professora era outra. Sim, digo professora, pois constato empiricamente que a maioria dos profissionais do 1º ciclo são mulheres – e conto pelos dedos os professores que conheço.

Uma das minhas características, desde muito nova, é atender à forma como as pessoas se vestem. A minha mãe conta que, por exemplo, eu todos os dias referia aquilo que a professora tinha vestido e comentava também a roupa dos meus colegas. Confesso que até hoje nunca consegui perceber como é que a minha amiga da primária, a Raquel, conseguia usar meias amarelas quando a sua roupa era maioritariamente em tons de azul. “As calças tapam, quase não se vê”, dizia-me ela. Mas o facto é que eu via.

Os meus alunos já me aceitaram, na estranheza que comporto: sou professora de filosofia, visto quase sempre de preto, tenho várias tatuagens visíveis e costumo dizer-lhes que “a filosofia é fixe”.  Peço-lhes diariamente que me tratem por Joana, ao invés de “professora”. Perguntaram-me o motivo. Respondi com um exemplo: imaginem que eu agora vos tratava a todos por aluna ou aluno. “Mas nós temos nome”, gritaram em uníssono. Eu também, meus amores. Eu também.

Um dia destes conto-vos sobre uma pergunta importante que um dos alunos fez. “Professora, tu não tens filhos?” Antecipo a resposta: não, não tenho. E não sou maria incapaz para ter um." 

in: http://mariacapaz.pt/cronicas/professora-nao-tens-sapatos-de-salto-alto-por-joana-rita-sousa/

 

Eu era pessoa para ir dar aulas de ténis ou botas rasas. É assim que estou confortável. E calças de ganga com camisolas de cores mais escuras, tal como a Joana.

Tenho tatuagens e piercings, como ela, que nunca me impediram de nada, pelo contrário. Tenho uma postura que em nada se assemelha com a idade que já tenho (não sou nada velha mas já não tenho 20 anos).

Ainda este fim de semana falava sobre isso com os meus pais. No colégio da M. insistiam em chamar-me de Senhora e eu, às tantas, respondi, como é normal "a Senhora está no céu. Ainda sou nova para esse tipo de tratamento. Trate-me pelo nome". O meu pai olhou para mim e perguntou-me se eu sabia que idade ja tenho. Respondi que sim. Tenho 30 anos (e pensei para dentro "raios, JÁ tenho 30 anos!") mas não me sinto com essa idade. Aliás, não faço ideia de como alguém com 30 anos se deve sentir. Estou baralhada com as idades... 

 

 

04
Dez14

Lemas de vida

entrefraldaselivros

 

Tenho um lema de vida, adoptado há muito tempo....

1.jpg

 

Convém não esquecer que 

2.jpg

 

E eu cá, tenho dias que

3.jpg

 

E nesta "guerra" dá-me um gozo especial ver cair.

O karma é tramado.

 

Depois aplico ainda esta vertente: Lei de Três, comumente usada na Wicca, é a única lei desta religião que dita: "Tudo o que fizeres voltará em triplo para ti", ou "Tudo aquilo que fizer retornará a você nesta vida multiplicado por três"... 

 

25
Nov14

Confirmações - Ou sim ou sopas

entrefraldaselivros

Não percebo porque é que o português tem este terrível hábito de não confirmar nada. Nem idas a eventos, nem idas a compromissos nem mesmo recepções de mensagens ou e-mails. NADA! 

Ultrapassa-me esta moda que se instalou (e mal) agora.

O remetente dá-se ao trabalho de enviar alguma coisa e o destinatário nem sequer se dá ao trabalho de dizer "OK". Pura e simplesmente faz-se silêncio. Vejo isso no meu trabalho, na minha vida pessoal, nas minhas amizades, em todo o lado e acho profundamente irritante.

Se o remetente envia alguma coisa, seja o que for, é porque o destinatário é, de alguma forma, importante, ou sou eu que estou a ver mal a questão? Não é merecedor de um "OK"?

Sim, já sei que todos nós temos uma vida muito atarefada e que nos esquecemos de 157654341 coisas por dia mas se o fizermos assim que recebemos já não há razões. Eu sou a pessoa mais esquecida do mundo, tenho a memória imediata de um camarão (para algumas coisas) e como já sei isso à partida, mais vale prevenir, responder logo e despachar o assunto mas há quem não o faça e deixa a pessoa do outro lado agarrada à corda bamba sem saber muito bem o que fazer. Então se eu tenho muita paciência para isso....

Se eu fizesse isso estava bem tramada.. 

18
Nov14

Prendas de Natal e espiríto natalício

entrefraldaselivros

Já devem ter visto que o espírito natalício já anda presente em todo o lado. E quando digo todo o lado é mesmo TODO o lado. Não há sítio para onde vamos que não haja já qualquer coisa que esteja alusiva ao natal (mas ainda falta um mês).

E eu sou daquelas pessoas que por mim fazia já a árvore, mas como este ano quero que a M. me ajude, estou a tentar ser paciente nesse campo e estou a tentar que ela desenvolva um bocadinho melhor as capacidades motoras dela (que já são óptimas).

No entanto não é por isso que vos escrevo hoje mas sim para vos dizer que devem visitar, quem ainda não o fez o showroomprive.pt.

Tem andado com óptimas ideias de prendas e os prazos são mesmo pela altura do natal. Eu tenho algumas a receber por estes dias e os prazos têm todos sido mais que cumpridos.

Aconselho vivamente.

 

07
Out14

Bipolaridades!

entrefraldaselivros

Chove, faz sol, chove, faz sol, chove, faz sol, chove, faz sol, chove, faz sol, chove, faz sol...

Isto para quem tem roupa para secar é uma bela chatice. Tinha acabado de estender a roupa e fechar os estores quando comecei a ouvir chover. Digam lá comigo: Ninguém merece! Ainda por cima, quando estendi até estava calor e eu pensei aproveitar esses momentos para por a roupa da miúda a secar mas o S. Pedro está contra mim.

Por isso, só quero sopas e descanso. E se não for pedir muito, uma mantinha para me enrolar no sofá. E já agora aguém que me limpe a casa e me faça o jantar. E alguém que dê o banho à criança... E, se não for abusar muito, alguém que me arrume os tupperwares lá de casa que eu não tenho coragem que aquilo já está a começar a parecer um daqueles puzzles de 15423 peças.

Pronto. Acho que é só isso. Aceito voluntários na caixa dos comentários 

30
Set14

Seasons novas!

entrefraldaselivros

FINALMENTE!!!

Chega aquela altura do ano em que a HBO, a Fox e afins renovam as séries e as temporadas recomeçam.

Já recomeçou o "Once Upon a Time", "Greys anatomy", o "Revenge" e ainda vai dar o "Vampire diaries" e para a semana recomeça umas das minhas preferidas e que estou em pulgas: "American Horror Story: Freak Show"

Se ainda há alguém que não saiba, conseguem ver tudo aqui, sem legendas claro, mas com uma boa qualidade, dependendo dos links, e quase no dia em que saiem nos Estados Unidos.

Eu sou fã do tube+.

Em casa não tenho tepo para ver TV e além de que as séries quando cá chegam vêm com uma temporada de atraso e os episódios nunca dão seguidos e isso é muito irritante.

 

Assim, consigo sempre seguir as séries :D

 

Boas horas de divertimento para quem não conhecia

22
Set14

Caminhada a Sintra

entrefraldaselivros

No sábado fomos fazer a famosa caminhada noturna a Sintra.

 

Andar pela serra, às escuras, ouvir histórias sobre aparições e fantasmas, durante 6km.... Epá, muita giro...  Ou então não.

Andámos. de facto, durante quase 3h, pela serra fora, por entre as árvores e no meio da estrada, por sorte não choveu e estava um grande tempo (eu fiz aquilo tudo de manga curta) mas.... histórias sobre lendas e aparições que é bom foram muito poucas. 

O jovem que organiza isto esqueceu-se que nem toda a gente anda aí (apesar de agora ser muito comum) a correr a meia maratona, não tem preparação física de um atleta olímpico e não aguenta subir desde o palácio da vila até quase ao castelo dos mouros praticamente só com duas paragens pelo caminho (e nem todos têm 20 anos...)

Valeu pela experiência de fazer isto às 22h, praticamente em luz mas andar a passo apressado não é a coisa mais agradável do mundo.

As lendas que nos foram contadas (5 se não estou em erro) foram muito fraquinhas. Estava à espera de melhor.

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

O que estou a vender no OLX

Skin